Menu

Calendário

 «  < Dec 2019 >   »
SuMTWThFS
5

Provas Finais de Ciclo e Provas de Equivalência à Frequência - 2014

Share

Todas as informações relativas às Provas Finais de Ciclo e às Provas de Equivalência à Frequência estão aqui para consulta, no menu lateral à esquerda.

Nos dias 19 e 21 de maio irão decorrer as Provas Finais da 1ª Fase dos 1º e 2º ciclos. Os alunos devem comparecer na Escola Luísa Constantina 30 minutos antes das provas.

CALENDÁRIO DE PROVAS FINAIS DE CICLO – 2014

Os alunos do 6º ano que vão realizar as Provas Finais de Ciclo nos dias 19 e 21 de maio devem comparecer na escola no seu horário habitual.

As aulas decorrerão normalmente até às 11:45. De seguida, os alunos dirigem-se ao refeitório para almoçar.

Os alunos deverão apresentar-se na Escola Luísa Constantina às 12h:30m (30 minutos antes das provas).

Os alunos devem trazer (sem falta) o Cartão de Cidadão, apesar de terem entregado uma cópia da sua identificação à Diretora de Turma.

Depois das provas os alunos regressarão a casa de autocarro por volta das 16 horas (hora de saída da escola).

As Pautas de Chamada serão afixadas com 48 de horas de antecedência na Escola Rui Galvão de Carvalho e na Escola Luísa Constantina.

MATERIAL ESPECÍFICO AUTORIZADO NAS PROVAS FINAIS

 

1.º ciclo

PORTUGUÊS

MATEMÁTICA

Canetas ou esferográficas de tinta indelével preta

 

Canetas e esferográficas de tinta indelével preta, lápis, borrachas, apara‐lápis, réguas graduadas e compassos.

 

2.º ciclo

PORTUGUÊS

MATEMÁTICA

Canetas ou esferográficas de tinta indelével azul ou preta

 

Caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta; lápis, borracha, régua graduada, compasso e transferidor) e calculadora (É permitida a utilização de calculadora do tipo não alfanumérico, não programável.)

 

3.º ciclo

PORTUGUÊS

MATEMÁTICA

Canetas ou esferográficas de tinta indelével azul ou preta.

 

Caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta; material de desenho e de medição (lápis, borracha, régua graduada, compasso, esquadro e transferidor); Calculadora — aquela com que trabalha habitualmente (gráfica ou não), desde que satisfaça

cumulativamente as seguintes condições:

• ter, pelo menos, as funções básicas +, -, #, ′, √, 3√;

• ser silenciosa;

• não necessitar de alimentação exterior localizada;

• não ter cálculo simbólico (CAS);

• não ter capacidade de comunicação a distância;

• não ter fitas, rolos de papel ou outro meio de impressão.

 

 

 

JoomSpirit